Suspeito é preso em Washington após ataques a tiros que mataram três

Por Ian Simpson

WASHINGTON (Reuters) - A polícia prendeu nesta sexta-feira um homem suspeito de participar de três ataques a tiros em dois dias nos arredores de Washington que mataram três pessoas, feriram três e despertaram lembranças dos ataques do atirador de Washington em 2002.

Eulalio Sevilla Tordil, de 62 anos, um policial no Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos, foi preso perto de um shopping center onde o segundo dos dois ataques desta sexta ocorreu, afirmou a polícia.

Ele era suspeito de matar a sua mulher e atirar numa pessoa que passava por perto na quinta-feira no contado de Prince George, em Maryland.

Quando tiros ocorreram no vizinho condado de Montgomery nesta sexta, investigadores direcionaram o foco para Tordil, que havia ameaçado cometer suicídio, declarou a polícia.

O primeiro dos incidentes desta sexta começou com um confronto num estacionamento no Westfield Montgomery Mall na região nobre de Bethesda, em Maryland, onde dois homens e uma mulher foram vítimas de tiros, segundo a polícia.

Um dos homens morreu, o outro estava em condição crítica, e a mulher não corria risco de vida, disse Darryl McSwain, da polícia do condado de Montgomery.

O segundo ataque ocorreu cerca de meia hora depois, matando uma mulher no Aspen Hill Shopping Center em Silver Spring, a cerca de 13 km do local do primeiro incidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos