Ex-ministro Gilberto Occhi comandará Caixa em um governo Temer, diz O Globo

SÃO PAULO (Reuters) - O ex-ministro da Integração Nacional e das Cidades, Gilberto Occhi, será o presidente da Caixa Econômica Federal em um provável governo de Michel Temer, de acordo com o jornal O Globo na edição deste sábado.

De acordo com a reportagem, sem citar fontes, o nome foi indicado pelo PP e aceito pelo ex-presidente do Banco Central (BC) Henrique Meirelles, que foi convidado pelo vice-presidente para comandar o Ministério da Fazenda caso o Senado dê andamento ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e ela tenha que se afastar do cargo.

Citando interlocutores do vice, a reportagem diz que o comandante do Banco do Brasil ainda não foi definido, mas deve ter um perfil técnico e será uma escolha pessoal do novo ministro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos