Dilma deixa Palácio do Planalto caminhando após afastamento da Presidência

BRASÍLIA (Reuters) - A presidente afastada Dilma Rousseff deixou o Palácio do Planalto caminhando, sem descer a rampa, e foi recebida por apoiadores do lado de fora, após ser notificada nesta quinta-feira da decisão do Senado de afastá-lo do cargo por até 180 dias devido à instauração do processo de impeachment.

Dilma saudou os apoiadores que se reuniram em frente ao Planalto para recepcioná-la, onde faria um breve discurso, ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O último ato da presidente antes de deixar o palácio presidencial foi um pronunciamento à imprensa, em que reiterou ser vítima de um "golpe".

(Reportagem de Lisandra Paraguassu e Leonardo Goy)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos