Agência de fronteiras da UE diz que chegadas de imigrantes à Grécia caíram 90%

BRUXELAS (Reuters) - O número de imigrantes que desembarcaram na Grécia caiu 90 por cento em abril, relatou a agência de fronteiras da União Europeia, Frontex, nesta sexta-feira, em um sinal de que está funcionando o acordo com a Turquia para enviar de volta aqueles que fazem travessias irregulares pelo mar entre os dois países.

A agência relatou que 2.700 pessoas chegaram à Grécia pela Turquia em abril, a maioria vindo da Síria, Paquistão, Afeganistão e Iraque, o que representa uma queda de 90 por cento em relação a abril.

Sob o acordo com a Turquia, todos os imigrantes e refugiados, incluindo sírios, que cruzam ilegalmente para a Grécia pelo mar são enviados de volta.

Em troca, a UE recebe diretamente milhares de refugiados sírios da Turquia e recompensa o país com mais dinheiro, viagens sem necessidade de visto e um avanço nas conversas para a entrada da Turquia na UE.

(Reportagem de Robert-Jan Bartunek)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos