Federer desiste de disputar Aberto da França devido a problemas físicos

LONDRES (Reuters) - O tenista ex-número 1 do mundo Roger Federer desistiu nesta quinta-feira de disputar o Aberto da França, citando problemas físicos.

Com 34 anos e atualmente número 3 do mundo, o tenista também ficou de fora do Aberto de Madri por problemas nas costas e antes sofrera uma derrota precoce no Aberto da Itália.

"Ainda não estou 100 por cento e sinto que posso tomar um risco desnecessário ao jogar este evento antes de estar realmente pronto", disse Federer em publicação em sua conta no Facebook.

"Esta decisão não foi fácil, mas tomei para garantir que eu possa jogar o resto da temporada e ajudar a aumentar o resto da minha carreira".

Sua desistência acaba com seu recorde de 65 participações consecutivas em torneios de Grand Slam.

(Reportagem de Martyn Herman)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos