Jucá nega ter sugerido deter avanço da Lava Jato--CBN

(Reuters) - O ministro do Planejamento, Romero Jucá, negou nesta segunda-feira em entrevista à rádio CBN que tenha sugerido um pacto para deter o avanço da operação Lava Jato em conversa gravada de forma oculta com o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado.

"Eu não estava me referindo à operação Lava Jato. Nós estávamos conversando sobre a economia do país, a situação de gravidade", disse o senador licenciado à rádio sobre o conteúdo da conversa com Machado em março.

Reportagem do jornal Folha de S.Paulo desta segunda-feira revelou conversa gravada entre Jucá e Machado, ambos investigados pela Lava Jato, em que o atual ministro sugere que uma troca no governo federal resultaria em pacto para "estancar a sangria" da Lava Jato. [nL2N18K088]

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos