OMS declara Guiné livre de transmissão ativa do Ebola

DACAR (Reuters) - A Guiné conseguiu acabar com a transmissão ativa do vírus Ebola, informou a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira, na segunda vez que a entidade declara o fim do surto da doença no país que esteve seu epicentro da epidemia.

A declaração foi feita porque a pessoa com o último caso confirmado de Ebola na Guiné testou negativo pela segunda vez há mais de 42 dias.

A Guiné agora entra em um período de 90 dias de aumento da vigilância para garantir a identificação de quaisquer novos casos antes que se espalhem para outras pessoas.

No surto mais recente, sete casos confirmados e três possíveis casos do vírus surgiram entre 17 de março e 6 de abril. Ao menos cinco pessoas morreram.

Outros três casos foram registrados na vizinha Libéria em uma mulher que viajou para Guiné com seus dois filhos.

(Por Makini Brice; Reportagem adicional de Stephanie Nebehay, em Genebra)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos