Oposição síria quer esclarecer ataques de grupo apoiado pelos EUA

Por Tom Miles

GENEBRA (Reuters) - As Forças Democráticas da Síria, que têm apoio dos Estados Unidos, têm atacado grupos armados que se opõem ao presidente Bashar al-Assad e algumas vezes parecem ter interesses alinhados com o governo sírio, disse uma negociadora da oposição síria nesta quarta-feira.

Basma Kodmani, integrante do Comitê de Altas Negociações, apoiado pelos sauditas, o principal grupo de oposição nas negociações de paz mediadas pelas Nações Unidas, afirmou à imprensa que o comitê queria clareza sobre os objetivos das Forças Democráticas.

Ela declarou que as preocupações incluíam “como eles eram vistos pela população local, o que eles desejam politicamente, e também o fato de eles até agora terem atacado alguns grupos do Exército Livre Sírio e áreas sob o controle deste”.

As Forças Democráticas reúnem combatentes da milícia curda YPG e de grupos sírios árabes, alguns dos quais estiveram na campanha para expulsar o Estado Islâmico de áreas do norte sírio no ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos