Trump chama manifestantes de criminosos na Califórnia

Por Julia Love

REDDING, Estados Unidos (Reuters) - Donald Trump, pré-candidato republicano a presidente dos Estados Unidos, chamou nesta sexta-feira manifestantes na Califórnia de criminosos depois que um outro protesto do lado de fora de um ato político seu se tornou violento dias antes das prévias presidenciais do Estado.

Manifestantes brigaram e trocaram socos na noite desta quinta-feira na rua do Centro de Convenções de San Jose, de acordo com vídeos divulgados no Twitter e na internet por meios de comunicação locais e nacionais. Centenas de manifestantes exibiam bandeiras mexicanas e cantavam refrãos anti-Trump. Eles queimaram chapéus do candidato e pelo menos uma bandeira norte-americana.

Discursando para uma grande plateia na cidade de Redding, no norte da Califórnia, nesta sexta, Trump descreveu o comício da noite anterior como um “festival de amor do lado de dentro. Não houve nenhum problema”. Os seus simpatizantes então “saíram e foram abordados por um monte de criminosos”, disse ele.

Manifestantes, muitos irritados com a retórica de Trump contra a imigração ilegal, têm se reunido em comícios dele há meses. Trump, agora o escolhido em potencial para candidato republicano para as eleições de 8 de novembro, cancelou um comício em Chicago em março depois de confrontos entre os seus simpatizantes e manifestantes contrários.

Segundo a polícia de San Jose, de 300 a 400 manifestantes se reuniram do lado de fora do ato de Trump na quinta-feira, onde a polícia formou cordões para proteger os que deixavam o evento.

A maior parte da violência ocorreu fora do cerco policial em ruas próximas e num estacionamento, disse um fotógrafo da Reuters. Um sargento sofreu ferimentos leves depois que um manifestante o atingiu com um objeto metálico. A polícia relatou quatro prisões.

(Reportagem adicional de Doina Chiacu, Susan Heavey, Ginger Gibson, Robin Respaut e Curtis Skinner)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos