Forças leais a governo capturam base aérea controlada pelo Estado Islâmico na Líbia

TRÍPOLI (Reuters) - Brigadas alinhadas ao governo da Líbia apoiado pelas Nações Unidas informaram, neste sábado, terem recapturado a base aérea de Ghardabiya, que estava sob controle do Estado Islâmico. A instalação fica a sul do bastião do grupo militante em Sirte.

O porta-voz Mohamed al-Gasri disse que a captura da base, a cerca de 20 quilômetros do centro de Sirte, é estrategicamente significante, considerando que isso encerra rotas de abastecimento para o Estado Islâmico e os “encurrala ainda mais” dentro da cidade.

Três combatentes das brigadas apoiadas pelo governo foram mortos e cinco ficaram feridos nos combates de sábado, disse ele. 

As brigadas, compostas de combatentes da cidade de Misrata, leste do país, empurraram o Estado Islâmico para os arredores de Sirte nas últimas três semanas. Eles contra-atacaram após o grupo militante ter avançado contra Misrata no começo de maio. 

A leste, uma outra força, a qual controla terminais petrolíferos e também é leal ao governo apoiado pela ONU, capturou nesta semana duas pequenas cidades antes dominadas pelo Estado Islâmico.

Países ocidentais esperam que o governo apoiado pela ONU, o qual assumiu Trípoli em março, possa unir as fações líbias para derrotar o Estado Islâmico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos