BC do México está de olho no Fed e disposto a ajustar política monetária, diz Carstens

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O banco central do México continua muito alerta em relação à orientação da política monetária dos Estados Unidos, e está disposto a ajustar a sua própria política monetária, se necessário, afirmou nesta segunda-feira o presidente da autoridade monetária, Agustin Carstens.

Carstens disse que a depreciação do peso mexicano estava ligada a expectativas sobre eventual ação do Federal Reserve, banco central norte-americano, sobre as taxas de juro e acrescentou que está confiante de que a moeda local atingirá "nível adequado".

(Reportagem de Tomas Sarmiento)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos