Francês detido na Ucrânia planejava ataques na França, diz chefe de segurança ucraniano

KIEV (Reuters) - O chefe do Serviço de Segurança Pública da Ucrânia (SBU) afirmou nesta segunda-feira que um cidadão francês detido no final de maio na fronteira entre Ucrânia e Polônia planejava uma série de ataques na França, que iriam coincidir com o campeonato de futebol Euro 2016.

Vasily Gritsak disse que o homem, sem nome divulgado, entrou em contato com grupos armados ilegais na Ucrânia com o objetivo de comprar armas e explosivos.

"O francês falou de forma negativa sobre ações de seu governo, imigração em massa, o crescimento do islamismo e globalização, e também falou sobre planos de realizar diversos ataques terroristas", disse Gritsak durante entrevista coletiva.

(Reportagem de Pavel Polityuk)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos