"Japonês da Federal" é preso em Curitiba

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O agente da Polícia Federal Newton Ishii, conhecido como "Japonês da Federal", foi preso na tarde de terça-feira em Curitiba por decisão da 4ª Vara Federal de Foz do Iguaçu, informou nesta quarta-feira a Polícia Federal do Paraná.

A PF não informou o motivo da prisão, e não foi possível contactar de imediato a Justiça Federal do Paraná. Ishii, no entanto, tem uma condenação do passado por crime de corrupção por ter facilitado a entrada no Brasil de produtos contrabandeados do Paraguai, segundo reportagens.

Ishii ganhou notoriedade como o "Japonês da Federal" após aparecer ao lado de empreiteiros e políticos em diversas prisões da operação Lava Jato. Segundo a PF, o agente está detido na Superintendência da corporação em Curitiba, onde também estão presas pessoas detidas por ele na Lava Jato.

Por conta da fama, o agente da PF se tornou tema de marchinhas de Carnaval e serviu de inspiração para máscaras produzidas para as festividades deste ano no país.

(Por Caio Saad)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos