Áreas de café ao sul de MG podem ser atingidas por geada, diz Somar

SÃO PAULO (Reuters) - Uma frente fria estacionada sobre o extremo sul do Brasil está derrubando temperaturas mais ao norte, na região do cinturão produtor de café, que está sob crescente risco de enfrentar geadas em áreas de cultivo de maior altitude ao sul de Minas Gerais, afirmou a consultoria meteorológica Somar nesta quinta-feira.

Áreas de menor altitude ao sul de Minas Gerais e na região de Mogiana, em São Paulo, não estão sob risco de geadas, apesar das temperaturas em queda, afirmou a empresa.

O início da segunda-feira será o momento de maior risco para a região ao Sul de Minas, que poderá enfrentar geadas em meio a temperaturas médias projetadas em 2 graus Celsius.

A pressão sobre as áreas de café na região deverá atingir máxima de 1.029 milibares na manhã de segunda-feira.

Segundo a Somar, as temperaturas deverão subir a partir da manhã de segunda-feira e ao longo da semana, o que afastará riscos de geada na região produtora de café nos demais dias.

Os preços do café em Nova York operavam em queda nesta quinta-feira, após forte alta na sessão anterior, quando repercutiram as previsões de geadas.

(Por Reese Ewing)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos