França alerta que saída britânica da UE seria irreversível e que acesso ao mercado está em jogo

PARIS (Reuters) - O presidente da França, François Hollande, alertou nesta quarta-feira que caso os britânicos votem pela saída da União Europeia (UE), esta seria uma decisão irreversível que pode prejudicar o acesso britânico ao mercado único do bloco.

"Caso a escolha seja deixar a UE... isso seria irreversível", disse Hollande.

"Haveria um risco muito serio de a Grã-Bretanha perder seu acesso ao mercado único e tudo que vai junto com a área econômica europeia. Todos precisam estar bem cientes disso."

Os britânicos votam sobre a saída ou permanência na UE em referendo na quinta-feira.

(Reportagem de ELizabeth Pineau)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos