Camex aprova isenção de tarifa na importação de feijão por 90 dias

SÃO PAULO (Reuters) - A Câmara de Comércio Exterior (Camex) zerou nesta quinta-feira a tarifa de importação de feijão, de qualquer país, pelos próximos 90 dias, em meio a uma alta dos preços no Brasil devido à redução na produtividade por problemas climáticos, informou o Ministério da Agricultura.

De acordo com o comunicado do ministério, a medida visa ampliar as opções de oferta e, consequentemente, reduzir os preços. O Brasil espera contar com fornecedores da China, EUA, Etiópia e Canadá, que normalmente pagariam uma tarifa de 10 por cento. Integrantes do Mercosul já contam com isenção.

(Por Natália Scalzaretto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos