Putin diz não esperar influência da decisão britânica em sanções da UE sobre a Rússia

TASHKENT (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta sexta-feira que não espera que a decisão britânica de deixar a União Europeia influencie as sanções econômicas impostas sobre a Rússia pela União Europeia.

Putin disse estar pronto para dialogar com a União Europeia, mas que o essencial para resolver o problema de sanções está na liderança da Ucrânia, que segundo ele, deve implementar seus comprometimentos com o acordo de paz de Minsk.

Ele disse também que tentará minimizar os efeitos na economia russa da decisão britânica.

(Reportagem de Denis Dyomkin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos