Militantes islâmicos somalis atacam hotel em Mogadíscio, diz a polícia

MOGADÍSCIO (Reuters) - O grupo islâmico somali Al Shabaab lançou neste sábado um ataque suicida sobre um hotel no centro de Mogadíscio. Em seguida, militantes armados invadiram o prédio, disse um policial.

O policial não deu detalhes de mortos ou feridos, e não houve comentários imediatos por parte do grupo, que frequentemente realiza ataques na capital na tentativa de derrubar o governo apoiado pelo Ocidente.

"Eles começaram com um ataque suicida a bomba e depois invadiram. Agora eles estão lá dentro, e os tiroteios continuam feios", disse o major Nur Farah.

Ele afirmou que o hotel Nasahablood é o alvo. "É muito cedo para dar detalhes", acrescentou.

Muçulmanos na Somália e no resto do mundo estão observando o Ramadã. Em anos anteriores, o Al Shabaab intensificou os ataques durante o mês, frequentemente escolhendo alvos onde as pessoas se juntam antes de finalizar o jejum.

(Por Abdi Sheikh e Feisal Omar)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos