Espanha entra na disputa para ser sede da agência da UE reguladora de bancos

MADRI (Reuters) - A Espanha vai competir com outros países da União Europeia (UE) para abrigar a sede da agência reguladora de bancos do bloco, com base em Londres, após a decisão do Reino Unido de deixar a UE, disse a vice-premiê espanhola nesta sexta-feira.

A corrida para sediar a Autoridade Bancária Europeia é liderada por Paris e Frankfurt, os maiores centros financeiros da UE, mas nenhuma decisão foi tomada, e outros países também se apresentaram na disputa para dar uma nova casa às agências de Londres.

A Espanha montou um grupo de trabalho para conduzir sua campanha pela agência reguladora dos bancos e pela Agência Europeia de Medicamentos, com base em Londres, afirmou à imprensa Soraya Sáenz Santamaría.

Ela também disse que a Espanha buscará atrair bancos internacionais com sede em Londres, que estão avaliando transferir suas operações para permanecer dentro da UE.

"Nós vamos focar intensamente em medidas que possam nos ajudar a aumentar a competitividade que a Espanha já tem, como o seu nível de crescimento econômico, para que instituições financeiras que precisarem de uma base secundária dentro da UE venham para cá”, disse.

(Por Angus Berwick)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos