Eleição parlamentar na Austrália mostra cenário apertado para formação de coalizão

SIDNEY (Reuters) - A Austrália parecia seguir em direção a um parlamento em dificuldades ou a um governo de minoria, com metade dos votos já contados em uma eleição nacional neste sábado, potencialmente bloqueando a capacidade do primeiro-ministro Malcolm Turnbull de realizar grandes reformas econômicas. 

Dados eleitorais oficiais já na metade da contagem dos votos da eleição para Câmara dos Deputados mostraram uma variação de 3 por cento desfavorável ao governo de coalizão liderado pelo partido Liberal. 

Sob a atual contagem, a projeção era de que a coalizão detivesse 69 assentos, com opositores do Partido Trabalhista com 70 assentos, e outros cinco assentos para independentes e para o Partido Verde. 

A coalizão precisa vencer vários dos 16 assentos remanescentes para ser determinada, mas ainda não está claro se isso será suficiente para formar um governo sem uma aliança com pequenos partidos e independentes a fim de garantir a maioria da Casa.

(Por Jonathan Barrett e Jane Wardell)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos