Brasil reforçará segurança na Olimpíada do Rio após ataque em Nice, diz ministro

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou nesta sexta-feira que o ataque com um caminhão na cidade francesa de Nice fará com que o Brasil reforce a segurança dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, com mais controle e mais pessoal.

Segundo o ministro, haverá ainda um "pente-fino" em todos os protocolos de segurança.

Jungmann destacou que até agora não houve nenhum indicativo de ataque terrorista à Olimpíada, que começa em 5 de agosto.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos