Militares turcos dizem que tomaram o poder para proteger ordem democrática

ISTAMBUL (Reuters) - As Forças Armadas da Turquia disseram nesta sexta-feira que tomaram o poder no país para proteger a ordem democrática e manter os direitos humanos.

Em um comunicado enviado por e-mail e divulgado por canais de televisão turcos, os militares afirmaram que todas as relações externas existentes da Turquia serão mantidas e que o Estado de direito permanecerá como prioridade.

O primeiro-ministro da Turquia havia dito anteriormente que um grupo dentro do Exército havia tentado tomar o poder, mas que fora rechaçado e que seria errado chamar o fato de golpe.

(Reportagem de Nick Tattersall)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos