Turquia detém comandante do Segundo Exército após tentativa de golpe

ISTAMBUL (Reuters) - As autoridades turcas detiveram neste sábado o comandante do Segundo Exército, relacionado à tentativa de golpe militar, informou a agência de notícias Anadolu.

O general Adem Huduti é o oficial mais graduado a ser apreendido até o momento, após a tentativa de intervenção que matou mais de 160 pessoas. O Segundo Exército, com sede em Malatya, protege as fronteiras da Turquia com a Síria, o Iraque e o Irã.

(Reportagem de Ayla Jean Yackley)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos