Hollande diz que autores de ataque em igreja da França declararam aliança ao Estado Islâmico

PARIS (Reuters) - O presidente da França, François Hollande, disse nesta terça-feira que os dois agressores que mataram um padre em uma igreja da Normandia, no norte da França, eram terroristas que haviam declarado aliança ao Estado Islâmico.

"O Estado Islâmico declarou guerra contra nós, precisamos lutar esta guerra de todas as maneiras, enquanto respeitamos o estado de direito, que nos torna uma democracia", disse a repórteres no local da ação, em Saint-Etienne-du-Rouvray.

(Reportagem de Richard Lough)

Receba notícias do UOL. É grátis!

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos