Aviões de guerra de coalizão atacam militantes Houthi perto de fronteira saudita

CAIRO (Reuters) - Aviões de guerra de uma coalizão liderada pelos sauditas bombardearam militantes Houthi do Iêmen que tentavam entrar na Arábia Saudita neste sábado, matando dezenas de milicianos, disseram fontes de segurança.

Os bombardeios ocorreram no lado iemenita da fronteira, perto da cidade saudita de Najran, disseram as fontes. Confrontos também foram registrados na cidade de Haradh, que fica no noroeste do Iêmen e faz fronteira com o reino saudita, disseram testemunhas à Reuters.

O recrudescimento dos confrontos é um dos piores desde o início de conversas de paz no Kuwait, em abril, envolvendo o governo iemenita e os Houthis. O objetivo é encerrar um conflito de um ano e meio no qual mais de 6.400 pessoas já morreram, quase metade das quais civis. Outras 2,5 milhões de pessoas foram obrigadas a deixar suas casas.

Uma trégua iniciada em abril reduziu a intensidade do conflito, mas a violência continua a ser uma realidade no país.

(Reportagem de Mohammed Ghobari)

Receba notícias do UOL. É grátis!

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos