Nissan quer 5% do mercado brasileiro de veículos, diz presidente

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Nissan quer elevar sua participação no mercado brasileiro de veículos de 3 para 5 por cento, afirmou o presidente-executivo da montadora japonesa, Carlos Ghosn, que também preside a francesa Renault.

Em entrevista a jornalistas, Ghosn afirmou que espera uma recuperação lenta do mercado brasileiro, que deve encerrar 2016 com uma queda de cerca de 20 por cento nas vendas, o quarto recuo anual consecutivo, segundo dados da associação de montadoras, Anfavea.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos