Temer é vaiado ao declarar abertos os Jogos Olímpicos no Maracanã

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente interino Michel Temer foi brevemente vaiado no rápido pronunciamento que fez nesta sexta-feira no estádio do Maracanã para declarar abertos os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro, durante cerimônia de abertura da Olimpíada, a primeira realizada na América do Sul.

"Após esse maravilhoso espetáculo, declaro abertos os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, celebrando a 31ª Olimpíada da era moderna", disse Temer da tribuna rapidamente debaixo de fortes vaias no Maracanã.

O Brasil vive um clima político polarizado desde a eleição presidencial de 2014 e essa divisão se agravou em meio ao processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, que, convidada, não compareceu à cerimônia de abertura no Maracanã.

No início da cerimônia, a programação previa que Temer fosse anunciado pelos alto-falantes do estádio mas, segundo uma fonte ouvida pela Reuters, ele pediu para que isso não acontecesse para evitar as vaias do público no Maracanã, no que foi atendido.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier e Pedro Fonseca)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos