Morre o cirurgião plástico Ivo Pitanguy

BRASÍLIA (Reuters) - Morreu no sábado Ivo Pitanguy, o cirurgião plástico brasileiro cuja habilidade com o bisturi atraiu celebridades de todo o mundo para sua mesa de operações e fez dele um ícone cultural brasileiro.

Ele morreu aos 90 anos, um dia após ter participado do revezamento da tocha olímpica para os Jogos do Rio de Janeiro.

Em sua última aparição pública, sentado em uma cadeira de rodas, Pitanguy segurou a tocha no bairro da Gávea, no Rio, onde está localizada sua clínica.

"Ivo Pitanguy dedicou sua vida a ajudas as pessoas a viver melhor", disse o presidente interino Michel Temer em um comunicado lamentando a morte do médico, que ele classificou como um dos mais renomados cientistas e intelectuais do país.

(Por Anthony Boadle)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos