Voos da Delta voltam a decolar após falta de energia deixar aviões em solo

(Reuters) - Os voos da Delta Air Lines gradualmente começavam a partir novamente nesta segunda-feira após uma falha de energia ter afetado seus sistemas de informática, deixando aviões em terra e retendo passageiros de uma das maiores companhias aéreas do mundo.

A companhia norte-americana disse que a falta de energia teve início em Atlanta e clientes devem esperar cancelamentos "de larga escala".

A Delta disse em uma atualização que, após uma interrupção nas decolagens, alguns voos agora estão voltando a operar, embora os passageiros ainda devem se preparar para atrasos e cancelamentos.

A empresa disse via Twitter que cancelou cerca de 300 voos devido à falta de energia.

A Delta opera 5 mil decolagens por dia e é membro da aliança SkyTeam juntamente com companhias aéreas como a Air France-KLM. A Delta é parceira e acionista da brasileira Gol.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos