Abengoa diz que alcançou acordo com credores; prevê obter 1,17 bi euros em dinheiro

MADRI (Reuters) - A empresa espanhola de energia e engenharia Abengoa disse nesta quinta-feira que alcançou um acordo de reestruturação junto a seus principais credores para reduzir dívidas e evitar a falência.

Baseada em Sevilha, a companhia, que acumulou enormes dívidas após fazer empréstimos para financiar um acelerado plano de expansão, vem negociando com ps credores desde novembro passado.

A companhia disse que o acordo propõe converter 70 por cento de seus créditos atuais em 40 por cento do capital da empresa reestruturada. Com isso, a Abengoa vai receber uma injeção de dinheiro de 1,17 bilhão de euros.

A Abengoa recebeu da Justiça um prazo até o fim de outubro para ter até 75 por cento de seus credores apoiando sua proposta para reduzir a dívida e obter uma injeção de recursos na companhia. A empresa não especificou na quinta-feira quantos credores concordaram até o momento com o plano de reestruturação.

(Por Axel Bugge)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos