Explosão em ônibus deixa ao menos 32 mortos em fronteira entre Síria e Turquia

BEIRUTE (Reuters) - Um homem-bomba detonou um colete com explosivos em um ônibus na Síria na noite de domingo, próximo à fronteira com a Turquia, matando ao menos 32 pessoas, informou o Observatório Sírio para Direitos Humanos, em ataque reivindicado pelo grupo militante Estado Islâmico.

O ônibus levava soldados de facções rebeldes apoiadas pelo exterior, disseram fontes locais. O Estado Islâmico reivindicou responsabilidade pelo ataque em comunicado publicado na rede social Telegram.

Fotografias circulando nas redes sociais mostraram os destroços queimados de um ônibus e equipes médicas cuidando de feridos.

Citando fontes locais, a rede de TV CNN Turk noticiou que a explosão ocorreu na entrada do acampamento de refugiados Atmeh, na Síria, próximo a fronteira.

A província síria de Idlib, onde Atmeh se localiza, é um grande bastião da oposição ao regime do presidente Bashar al-Assad.

(Reportagem de Angus McDowall)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos