Apple vai ampliar investimentos na China, diz CEO

PEQUIM (Reuters) - A Apple vai ampliar investimentos na China, um de seus mercados mais importantes, mas cada vez mais difícil, e construir no país seu primeiro centro de pesquisa e desenvolvimento na região Ásia-Pacífico, afirmou o presidente-executivo da companhia, Tim Cook.

A demanda por celulares da Apple despencou na China e o governo chinês mantém uma postura de cautela ante tecnologias de outros países. A viagem de Cook à China é pelo menos a segunda ao país em quatro meses.

O novo centro de pesquisa da Apple será construído até o fim deste ano, afirmou Cook ao vice-premiê chinês Zhang Gaoli, de acordo com a emissora oficial estatal de TV chinesa.

(Por Paul Carsten and Judy Hua)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos