Homem é preso por incêndio criminoso relacionado a incêndios florestais na Califórnia

Por Stephen Lam

MIDDLETOWN, Califórnia (Reuters) - Um homem foi preso nesta segunda-feira por suspeita de incêndio criminoso, disseram autoridades, por relação com incêndios florestais no norte da Califórnia, que já destruíram mais de 175 edificações residenciais e comerciais e forçaram a retirada de centenas de moradores.

A conflagração é um das dezenas de incêndios florestais pelo oeste dos Estados Unidos, que já destruíram cerca de 120 mil hectares.

Damin Pashilk de 40 anos, enfrenta 17 acusações de incêndio criminoso pelo chamado Incêndio de Clayton, aos pés da comunidade de Lower Lake, e outros incêndios nas redondezas no ano passado, informou o Departamento de Silvicultura e Proteção ao Fogo da Califórnia (Cal Fire).

"O Sr. Pashilk cometeu um crime horrível e iremos buscar acusações até as maiores extensões da lei", disse o chefe do departamento, Ken Pimlott, em comunicado.

O incêndio foi ampliado pelos fortes ventos e ameaça 1.500 estruturas, além das 175 já destruídas, informou o Cal Fire nesta segunda-feira.

Não houve relatos de mortes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos