Scheidt termina em 4º lugar e fica sem medalha pela primeira vez em uma Olimpíada

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O velejador Robert Scheidt terminou em quarto lugar na classe Laser dos Jogos do Rio nas águas da Baía de Guanabara, apesar de ter vencido a regata final da categoria nesta terça-feira, e se despediu da Olimpíada pela primeira vez sem chegar ao pódio após seis participações olímpicas.

Scheidt precisava vencer a regata da medalha e torcer por um mau resultado do neozelandês Sam Meech para ficar com o bronze, uma vez que não tinha mais chances de ouro ou prata, mas o velejador da Nova Zelândia assegurou o terceiro lugar ao terminar a regata decisiva em quarto.

O ouro na classe Laser foi para o australiano Tom Burton, enquanto o croata Tonci Stipanovic ficou com a prata.

Scheidt, de 43 anos, buscava se tornar o maior medalhista olímpico do Brasil, com seis pódios consecutivos, mas falhou justamente em casa, após ter subido ao pódios nas cinco Olimpíadas anteriores.

O velejador tem no currículo dois ouros, duas pratas e um bronze em Jogos Olímpicos, empatado em número de medalhas com o também velejador Torben Grael.

(Por Pedro Fonseca e Jeb Blount)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos