Turquia tem caminho difícil para conseguir liberação de vistos para a UE, diz ministro alemão

BERLIM (Reuters) - A Turquia tem um caminho longo e árduo para obter a liberação da exigência de vistos para viagens dentro da União Europeia (UE), e as perspectivas imediatas não são as melhores, disse nesta terça-feira o ministro para Assuntos Europeus da Alemanha.

Michael Roth afirmou à Reuters que estava claro desde o início que o acordo migratório firmado entre a UE e a Turquia requer o cumprimento de 72 critérios antes de os turcos serem contemplados com o direito de viajar sem vistos.

"A Turquia enfrenta um caminho muito longo e difícil. Os critérios precisam ser cumpridos, e as coisas não parecem boas neste momento”, declarou Roth. “Enquanto os 72 critérios não forem cumpridos, e alguns ainda estão em aberto, não pode haver a liberação de vistos.”

Ao mesmo tempo, Roth declarou ser importante manter abertos os canais de comunicação com a Turquia, que continua sendo parceira importante devido à crise de refugiados e à presença de mais de três milhões de pessoas de origem turca na Alemanha.

O ministro alemão das Finanças, Wolfgang Schaeuble, integrante do partido conservador da chanceler Angela Merkel, disse ser importante continuar trabalhando com o presidente turco, Tayyip Erdogan, para garantir a ajuda dele com o fluxo de refugiados vindo de países como Síria e Iraque.

"Eu absolutamente não gosto do que Erdogan está fazendo, mas eu não concordo que nós devemos terminar a cooperação com ele”, disse Schaeuble num evento no norte da Alemanha nesta terça-feira. “É do nosso interesse continuar trabalhando juntos.”

O ministro do Exterior turco, Mevlut Cavusoglu, alertou na segunda-feira que a Turquia pode abandonar sua promessa de conter o fluxo de imigrantes ilegais para a Europa se a UE não garantir aos turcos em outubro o direito de viajar sem vistos no bloco.

(Reportagem de Andrea Shalal, Michael Nienaber e Andreas Rinke)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos