Indonésia investiga militante suspeito de planejar ataque a Bali

JACARTA (Reuters) - Autoridades da Indonésia estão investigando se um militante suspeito preso na semana passada estava planejando um ataque contra a ilha turística de Bali, informou a polícia.

Bali, um destino turístico popular, viu uma série de ataques de militantes locais no início da década de 2000, sendo o mais mortífero um atentado a uma boate que matou 202 pessoas, em sua maioria australianos.

A polícia encontrou uma bomba e materiais explosivos de alto impacto durante uma incursão à casa do suspeito na ilha ocidental de Sumatra, informou a mídia.

O homem, que a polícia ainda têm de identificar, foi preso por suspeita de ter ligações com grupo extremista Estado Islâmico e de estar envolvido no planejamento de um atentado suicida a um posto de polícia no mês passado.

(Por Agustinus Beo Da Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos