Biden diz a Erdogan que só tribunal federal pode extraditar Gulen

ANCARA (Reuters) - O vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse ao presidente turco, Tayyip Erdogan, nesta quarta-feira, que só um tribunal federal poderia extraditar Fethullah Gulen, o clérigo muçulmano que a Turquia culpa por orquestrar um golpe fracassado no mês passado.

Em declarações a jornalistas em Ancara após se reunir com Erdogan, Biden disse que os envolvidos na tentativa de golpe eram terroristas e que os EUA possuem mais advogados que trabalham sobre o pedido de extradição de Gulen do que em qualquer outro caso recente.

Biden afirmou que pode ser difícil para os turcos entenderem que o presidente Barack Obama não tinha autoridade constitucional para extraditar o clérigo. Ele prometeu que Washington vai trabalhar em estreita colaboração com o governo turco sobre o caso.

(Reportagem de Jeff Mason)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos