CSN mantém oferta de reajuste de 5% a trabalhadores de usina no RJ

SÃO PAULO (Reuters) - A Companhia Siderúrgica Nacional manteve a oferta de reajuste salarial de 5 por cento aos trabalhadores de sua usina de aço em Volta Redonda (RJ) a partir de janeiro de 2017, proposta que será votada pelos metalúrgicos nesta quarta-feira.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense, que cobrava reposição da inflação medida pelo INPC e aumento real, a empresa, porém, aceitou manter o turno de trabalho de seis horas e bonificação de férias de 70 por cento.

A negociação salarial deste ano começou em maio, com a empresa propondo zero por cento de reajuste, segundo a entidade. A data-base da categoria é em 1º de maio.

A votação pelos trabalhadores da proposta discutida pelo sindicato com representantes da CSN deve acabar às 18h desta quarta-feira, informou a entidade.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos