Venezuela suspende relações com o Brasil depois de cassação de Dilma Rousseff

CARACAS (Reuters) - A Venezuela suspendeu nesta quarta-feira suas relações políticas e diplomáticas com o Brasil e retirou "definitivamente" seu embaixador do país, depois da cassação de Dilma Rousseff como presidente.

O Senado Federal condenou nesta quarta-feira Dilma Rousseff por crime de responsabilidade e cassou seu mandato como presidente, apesar de ter mantido seus direitos políticos.

"A República Bolivariana da Venezuela condena categoricamente o golpe parlamentar realizado no Brasil contra a presidente Dilma Rousseff, mediante o qual perigosamente se há substituído ilegalmente a vontade popular de 54 milhões de brasileiros, violando a Constituição e alterando a democracia neste país irmão", disse o governo venezuelano em nota.

(Por Diego Oré)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos