Premiê interino da Espanha perde segunda votação de confiança

MADRI (Reuters) - O primeiro-ministro interino da Espanha, Mariano Rajoy, não conseguiu um voto de confiança nesta sexta-feira para cumprir um segundo mandato como premiê, iniciando a contagem regressiva para uma possível terceira eleição, caso um acordo não seja negociado nos próximos dois meses.

Como na quarta-feira, quando ele perdeu a primeira votação, Rajoy garantiu o apoio de apenas 170 parlamentares, em um total de 350.

O novo partido liberal Ciudadanos votou a favor de Rajoy, assim como um pequeno partido da região das Ilhas Canárias. Os socialistas, a aliança contrária à austeridade Unidos Podemos e partidos regionais do País Basco e da Catalunha votaram contra, totalizando 180 rejeições.

Não houve abstenções, fazendo com que os resultados da segunda votação fossem exatamente os mesmos da primeira votação de quarta-feira.

(Reportagem de Sonya Dowsett)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos