Câmara cassa o mandato de Cunha após mais de dez meses de processo

Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA (Reuters) - A Câmara dos Deputados cassou nesta segunda-feira o mandato de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) por quebra de decoro parlamentar, após um processo que se arrastou por mais de dez meses na Casa em meio a idas e vindas que atrasaram sua tramitação.

Por 450 votos favoráveis, 10 contrários e 9 abstenções, os deputados cassaram o mandato de Cunha, que presidiu a Casa e foi o responsável pela aceitação do pedido que resultou no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello; Edição de Eduardo Simões)

((eduardo.simoes@thomsonreuters.com; 55 11 5644 7759; Reuters Messaging: eduardo.simoes.reuters.com@reuters.net))

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos