Observadores dizem não ter registrado mortes em primeiras 48 horas de trégua na Síria

BEIRUTE (Reuters) - O Observatório Sírio para os Direitos Humanos informou nesta quarta-feira que não registrou mortes de civis ou combatentes resultantes de conflitos durante as primeiras 48 horas de um cessar-fogo na Síria que entrou em vigor na segunda-feira.

A trégua, mediada por Estados Unidos e Rússia, é a segunda tentativa de se encerrar uma guerra civil que já dura cinco anos na Síria. A Rússia é uma importante apoiadora do presidente sírio, Bashar al-Assad, enquanto os Estados Unidos apoiam alguns grupos rebeldes que buscam derrubar Assad do poder.

(Reportagem de Lisa Barrington)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos