Passagem do tufão Meranti faz Taiwan fechar escolas e cancelar voos

Faith Hung

Em Taipé

Mais de meio milhão de residências de Taiwan ficaram sem energia nesta quarta-feira e cinco pessoas ficaram feridas quando o supertufão Meranti, que se acredita ser a tempestade mais forte do mundo este ano, atingiu a ilha.

O Escritório Central do Clima de Taiwan alertou que a tempestade de categoria 5 ameaça levar ventos fortes, chuva torrencial e enchentes a várias cidades do sul e do leste, incluindo Kaohsiung e Hualien.

CNA/AFP
Tufão Meranti atinge estrutura portuária no condado de Taitung

O Meranti, que ganhou força à medida que se aproximava de Taiwan, tinha ventos máximos de 227 km/h quando se abateu sobre o sul da ilha, informou o escritório.

"Este tufão é o mais forte do mundo até agora este ano", disse a porta-voz do órgão, Hsieh Pei-yun.

O Centro de Operações de Emergência de Taiwan informou que cinco pessoas foram feridas e que muitas linhas de transmissão de energia caíram, algumas por árvores tombadas, cortando a eletricidade de 550 mil lares.

"Os danos do Meranti continuarão a aumentar enquanto a tempestade assola a ilha", disse o porta-voz do Centro de Emergência, Li Wei-sen. "As perdas provavelmente não podem ser evitadas, mas tentaremos minimizar as baixas".

Trens e serviços postais foram interrompidos, escritórios e escolas de Kaohsiung e de outras cidades foram fechados e quase 1.500 pessoas foram retiradas, relatou o Centro.

A maioria dos voos domésticos foram cancelados, incluindo todos aqueles partindo do aeroporto de Kaohsiung, onde os voos internacionais também foram seriamente afetados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos