Juiz Sérgio Moro revoga prisão de ex-ministro Guido Mantega

(Reuters) - O juiz Sérgio Moro revogou a prisão temporária de Guido Mantega nesta quinta-feira considerando que o ex-ministro estava acompanhando a mulher em um hospital, sem "os riscos de interferência da colheita das provas nesse momento".

"Assim, revogo a prisão temporária decretada contra Guido Mantega, sem prejuízo das demais medidas e a avaliação de medidas futuras", disse Moro em sua decisão. Mantega foi preso nesta manhã na nova fase da operação Lava Jato.

O fato de Mantega estar em um hospital na capital paulista, acompanhando a esposa que iria passar por um procedimento cirúrgico, quando foi detido acabou gerando um comunicado da PF para justificar a ação e foi alvo de várias explicações durante a entrevista coletiva dada nesta manhã por membros da força-tarefa da Lava Jato sobre a nova fase da operação.

(Por Alexandre Caverni)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos