Putin suspende acordo de descarte de plutônio com EUA alegando atos hostis

Por Dmitry Solovyov

MOSCOU (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, suspendeu nesta segunda-feira um acordo com os Estados Unidos para o descarte de plutônio de uso militar por causa de atos "inamistosos" de Washington, disse o Kremlin.

Uma porta-voz do Kremlin disse que Putin assinou um decreto suspendendo o acordo de 2010, mediante o qual cada lado se comprometia a destruir toneladas de material de uso em armas, porque os EUA não o estavam cumprindo com sua parte e por causa das tensões atuais nas relações.

Os dois ex-adversários da Guerra Fria estão em desacordo a respeito de uma série de questões do cenário global, incluindo a Ucrânia, onde a Rússia anexou a Crimeia em 2014 e apoia separatistas pró-Moscou, e o conflito na Síria.

O acordo, que foi assinado em 2000 mas só entrou plenamente em vigor em 2010, está sendo suspenso devido ao "surgimento de uma ameaça à estabilidade estratégica e como resultado de ações inamistosas dos Estados Unidos da América contra a Federação Rússia", disse o decreto do Kremlin.

O documento ainda disse que Washington foi incapaz "de garantir a implementação de suas obrigações para utilizar o excedente de plutônio de uso em armas".

Os laços entre Moscou e Washington praticamente foram congelados por causa da Crimeia e do apoio russo aos separatistas no leste ucraniano na esteira de protestos em Kiev que derrubaram o presidente pró-Rússia Viktor Yanukovich.

Washington liderou uma campanha de imposição de sanções econômicas ocidentais à Rússia por seu papel na crise ucraniana.

As relações azedaram ainda mais no ano passado, quando a Rússia enviou aviões de guerra para uma base aérea síria para proporcionar ajuda às tropas do presidente da Síria, Bashar al-Assad, que combatem rebeldes no país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos