Kim Kardashian deixa Nova York em meio a forte segurança

Por Jill Serjeant

NOVA YORK (Reuters) - Protegida por vários seguranças, Kim Kardashian e sua família deixaram nesta quinta-feira o apartamento em Manhattan no qual se abrigaram desde que ela foi assaltada a mão armada em Paris, em meio a notícias de que a estrela planeja tirar algum tempo de folga.

Um vídeo e fotos mostraram Kardashian, com seu rosto parcialmente ocultado por um capuz e um boné de beisebol, entrando em um carro com seus dois filhos pequenos e seu marido, o rapper Kanye West.

Foi a primeira vez em que ela foi vista desde que voltou a Nova York depois que assaltantes mascarados apontaram uma arma contra sua cabeça e roubaram cerca de 10 milhões de dólares em joias em Paris na manhã de segunda-feira.

O guarda-costas pessoal de Kardashian, Pascal Duvier, que protegia as irmãs Kardashian em um clube noturno no momento do assalto, estava presente em meio a uma equipe de segurança que deixava a mídia afastada e ajudava a colocar malas em carros à espera das celebridades. Supõe-se que a família tenha ido à sua casa no sul da Califórnia.

A família, cujas vidas são retratadas no programa de televisão “Keeping Up With the Kardashians” e em suas contas em mídias sociais, tem estado atipicamente quieta desde o roubo. Não houve prisões após o ocorrido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos