Número de mortos por furacão Matthew sobe para 69, com 65 vítimas no Haiti

PORTO PRÍNCIPE (Reuters) - O furacão Matthew matou ao menos 69 pessoas, sendo 65 apenas no Haiti, disseram autoridades haitianas, enquanto a tempestade avança nesta quinta-feira atingindo as Bahamas a caminho da Flórida.

O departamento de Defesa Civil do Haiti disse que 23 pessoas morreram na empobrecida nação caribenha, muitas delas atingidas por árvores e destroços e outras afetadas pela alta do nível dos rios. O Ministério do Interior, um prefeito local e outras autoridades confirmaram à Reuters outras 42 mortes pelo país.

Entre os mortos estão 24 pessoas de um grupo que estava na cidade costeira de Roche-a-Bateau.

"Eu nunca vi nada assim", disse o representante da cidade Luis Paul Raphael.

Outras quatro pessoas morreram durante a passagem do Matthew pela República Dominicana.

O Matthew é o furacão mais forte a atingir o Haiti desde a passagem da tempestade Felix em 2007. Na terça e na quarta o furacão atingiu Cuba e Haiti com ventos fortes e chuva torrencial, destruindo cidades, criações de animais e áreas de plantio.

A destruição no Haiti levou as autoridades a adiarem a eleição presidencial que estava originalmente marcada para domingo.

(Reportagem de Joseph Guyler Delva)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos