Presidente da Colômbia doará dinheiro de Prêmio Nobel da Paz a vítimas de conflito com as Farc

BOGOTÁ (Reuters) - O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou neste domingo que vai doar o dinheiro que receberá do Prêmio Nobel da Paz às vítimas do conflito com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Santos foi anunciado vencedor do Prêmio Nobel da Paz na sexta-feira, em reconhecimento por seus esforços para acabar com o confronto mais longo da América Latina, que deixou 220 mil mortos e deslocou milhões de pessoas ao longo dos últimos 52 anos.

"Quero anunciar que ontem à noite reuni-me com a minha família e decidimos doar esses 8 milhões de coroas suecas (930 mil dólares), para ajudar as vítimas", disse o presidente colombiano, durante uma cerimônia na cidade de Bojayá, uma área de selva no noroeste da Colômbia, onde, em maio de 2002, morreram pelo menos 79 civis em um ataque das Farc.

"Vamos decidir as obras, fundações ou programas que lidam com vítimas e reconciliação", disse o presidente. Bojayá votou esmagadoramente a favor do acordo de paz assinado em 26 de setembro, em Cartagena, por Santos e o principal comandante das Farc, Rodrigo Londoño, conhecido como "Timoshenko".

O pacto, no entanto, foi rejeitado no restante do país por uma margem estreita através de um referendo, impedindo o presidente de implementar o acordo que previa que os cerca de 7 mil combatentes das Farc seriam desarmados e formariam um partido político.

A derrota, que deixou o acordo de paz mergulhado no limbo, obrigou Santos a buscar apoio e consenso com o líder da oposição, o ex-presidente Álvaro Uribe, que exige que os líderes da guerrilha sejam presos por seus crimes e não possam ocupar cargos públicos de eleição popular.

Após o resultado do plebiscito, a comunidade internacional e a população civil do país de 49 milhões de habitantes pediram ao presidente que não desistisse da busca pela paz e que buscasse uma solução que permita implementar o acordo.

O Nobel da Paz será entregue em Oslo em 10 de dezembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos