Rei espanhol se reúne com líderes políticos dias 24 e 25 para discutir moção de confiança

MADRI (Reuters) - O rei Felipe da Espanha irá se reunir com os líderes de todos os principais partidos políticos do país nos dias 24 e 25 de outubro para uma última tentativa de escolher um candidato para formar um governo depois de quase 10 meses de impasse político resultante de duas eleições inconclusivas.

Conforme a lei espanhola, o rei atua como um mediador formal entre os partidos políticos depois das votações de dezembro e junho, que não deram a nenhum líder uma maioria clara.

Após a consulta mais recente, na esteira da eleição de junho, o primeiro-ministro interino, Mariano Rajoy, foi encarregado de obter apoio parlamentar para compor um governo, mas perdeu duas moções de confiança na busca de um segundo mandato.

Ocorrida neste mês, a renúncia do líder do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez, que bloqueou a reeleição de Rajoy em votações anteriores, pode levar a oposição de esquerda tradicional a se abster em uma moção de confiança, evitando a necessidade de uma terceira eleição.

(Por Paul Day)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos