EUA buscam caminho regional para a paz na Síria, em conversações na Suíça

LAUSANNE, Suíça (Reuters) - Discussões sobre a Síria com um novo formato, mas poucas ideias novas, começaram na cidade suíça de Lausanne neste sábado, com o secretário de Estado norte-americano John Kerry buscando um novo caminho para a paz, depois de não conseguir um cessar-fogo em conversas diretas com a Rússia. 

Kerry se reunia com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, e sete ministros do Exterior da região --Irã, Iraque, Arábia Saudita, Turquia, Catar, Jordânia e Egito - três semanas depois do colapso de um plano de cessar-fogo entre EUA e Rússia, meticulosamente trabalhado, que muitos viram como a última chance de paz este ano.

Lavrov disse não ter "nenhuma expectativa especial" para a reunião de sábado. Um funcionário sênior do Departamento de Estado dos EUA disse que não prevê nenhum grande anúncio até o fim do dia.

"Este será, como tem sido há muitos anos, um processo muito difícil", disse.

A Europa não está representada na reunião que está sendo realizada em um hotel luxuoso no Lago Genebra. Mas o ministro do Exterior francês confirmou que colegas de nações que pensam parecido planejam reunir-se para discutir a Síria, em Londres, no domingo.

Desde o colapso da cooperação entre EUA e Rússia, por tempos o pilar das tentativas de encerrar a guerra na Síria, autoridades norte-americanas têm trabalhado várias ideias, e apesar de nenhum grande avanço ser esperado, o formato regional pode ser a base de um novo processo, disse a fonte norte- americana. 

(Por Alexander Winning e Lesley Wroughton)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos